Pular para o conteúdo principal

PUBLICIDADE

Chiquititas: resumo da novela nesta segunda-feira (17/03)


Matilde mais uma vez tenta roubar mas é impedida a tempo


Junior está dentro do carro com Maria Cecília e vê no lado de fora o primeiro beijo entre Fernando e Carol. Ele fica visivelmente incomodado. Fernando aproveitou o passeio dos dois e beijou Carol na boca, que retribuiu o gesto de carinho. No luau do acampamento, as Chiquititas cantam a música "Amigas". No outro dia, Cintia, Armando, Carmen e Matilde estão na sala do orfanato com o baú quase dormindo, porém ninguém se atreve a pegar no sono para não ser passado para trás.

Num descuido, todos cochilam, menos Matilde, que mais uma vez tenta roubar as pinturas, mas é
impedida a tempo por Cintia. Eles decidem levar as pinturas para um especialista avaliar. No acampamento, Barbara (Lívia Andrade)se despede das Chiquititas, que voltarão ao orfanato. Ela recebe um carinhoso e animado abraço coletivo. Carol está radiante pelo acontecimento com Fernando, enquanto Beto está triste por ter perdido seu melhor amigo, Tobias, e seu trabalho. No especialista em pinturas, Armando, Cintia, Matilde e Carmen recebem a noticia de que as pinturas são sem valor histórico ou conceitual e por isso não valem mais do que 400 reais cada uma. Carmen fica horrorizada por terem perdido tanto trabalho pra ganhar apenas 400 reais. Eles voltam com as quatro pinturas para o orfanato e decidem levá-las paraum novo avaliador. 

Matilde diz que o verdadeiro tesouro pode ser outro e ainda estar escondido no porão. Por garantia, cada um pega uma pintura. Carol chega para trabalhar no orfanato e antes que ela entre, Armando sai. Junior chama Maria Cecília no Café Boutique e lhe pede em casamento. Maria Cecília fica surpresa e aceita o pedido. Junior diz que agora só falta eles anunciarem aos pais a novidade. Clarita vê tudo e fica chocada. Carol vê Armando no portão dos fundos do orfanato e faz algumas perguntas. Ele consegue enrolar ela com a desculpa de que foi lá a pedido de José Ricardo para ajudar Cintia. As chiquititas voltam ao orfanato. Beto vê na televisão que Tomás Ferraz, que na verdade é Tobias, está se lançando como cantor do ritmo sertanejo-universitário. Beto liga para Tobias, mas ele não dá ouvidos para Beto e desliga o telefone.

Postagens mais visitadas deste blog

Banco Itaú lideram em cobrança abusivas

O Banco Itaú é uma das maiores financeiras da America latina em valores ativos e clientes, presente em 21 países, o banco possui cerca de 5 mil agências no Brasil e no exterior e 26 mil caixas eletrônicos e pontos de atendimento. 

A instituição também lideram em reclamação nos órgão de defesa do consumidores. O braço direito do Banco, o Itaucard lidera desde cobrança duas vezes na mesma fatura ou até erro de desconto de juros e valores cobrado indevidamente.

Quando os clientes busca os canais do Itaú para corrigir os erros, são mal atendido e também a instituição demoram na busca de solucionar os problemas, isto quando o Banco ignora o cliente sem dar nem uma solução e continuando com a cobrança indevida.


Brasil desativou 16 mil leitos pediátricos desde 2010

Um levantamento feito pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) mostrou que nos últimos nove anos o Brasil desativou 15,9 mil leitos de internação pediátrica, aqueles destinados a crianças que precisam permanecer no hospital por mais de 24 horas. Segundo a SBP, dados obtidos no Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde (CNES), mantido pelo Ministério da Saúde, indicam que em 2010, o país dispunha de 48,8 mil leitos no Sistema Único de Saúde (SUS). Em 2019, segundo dados relativos ao mês de maio, o número baixou para cerca de 35 mil.  A pesquisa também mostra que os leitos disponíveis nos planos de saúde ou em unidades privadas caíram em 2.130 no mesmo período, com 19 estados perdendo leitos pediátricos nessa rede. São Paulo desponta com a maior queda: ao todo foram 762 unidades encerradas, seguido do Rio Grande do Sul (-251) e Maranhão (-217). Segundo os dados, os estados das regiões Nordeste e Sudeste foram os que mais sofreram com a redução de leitos de internação no SUS, com 5…

Crise na Sanepar derruba ações na Bolsa de Valor

A companhia Paranaense de saneamento Sanepar, vem passando pela sua maior crise hídrica da historia. Com as estiagem no estado do Paraná esta afetando o abastecimento de água na capital e interior. Nesta segunda-feira mais de 150 bairro entre Curitiba e região metropolitana estão sem água.
O problema da Sanepar (SAPR11), esta afetando suas movimentação na bolsa de valor derrubando suas ações em mais de  29,62% desde o começo do ano. Entre as empresas de saneamento a sua situação é a pior da B3.