Pular para o conteúdo principal

PUBLICIDADE

Pecado Mortal:Dorotéia tenta ganhar tempo e finge ajudar Quina com plano de invasão

Resumo da novela Pecado Mortal

No capitulo de "Pecado Mortal" de hoje (21/03), Tufik mantém Juliano como refém e planeja invadir morro dos Vêneto. Ele diz que vingará a morte de Ramiro. Quina mente para Tufik e diz ter visto Carlão atirar em Ramiro, deixando Juliano apreensivo. Carlão diz para Otávio que ele foi irresponsável ao trocar drogas por armas falsas. Otávio diz que eles precisavam de armamento para defender o morro. 

Carlão se diz decepcionado. Stella tenta convencer Patrícia a ir atrás de Carlão e reconquistá-lo. Otávio não suporta as críticas de Carlão e lhe dá um soco, iniciando uma briga. Juliano desarma Danilo e consegue fugir da casa de Tufik. Tufik ordena que invasão do morro dos Vêneto comece. Lívia foge de ataque e corre para avisar os irmãos. Quina dopa Dorotéia, impedindo-a de ajudar Carlão. Otávio esmurra Carlão e diz que ele não devia tê-lo abandonado. Donana rouba galão de gasolina e planeja incendiar escritório em que Carlão e Otávio estão. Stella e Patrícia descobrem que morro está sendo invadido e ficam muito preocupadas. Otávio e Carlão conversam e se reconciliam. Eles tentam sair do escritório e percebem que estão trancados. 

Stella diz que irá até o morro e Baldochi tenta impedi-la. Ela pede para que capanga resgate os dois. Lívia reencontra Juliano e os dois são surpreendidos por capangas de Tufik. Anjo distrai capangas e Lívia atira, matando-os. Carlão e Otávio escutam tiros e esmurram a porta, pedindo por ajuda. Picasso descobre que morro está sendo invadido. Ele diz que quer Carlão vivo para que possa matá-lo. Patrícia liga para Dorotéia atrás de Carlão e fala sobre invasão do morro. Dorotéia se desespera e decide ir atrás dele. Carlão e Otávio pegam armas dos baús e atiram em alguns capangas. Laura fica aflita com sumiço de Gui em meio à invasão e decide ir atrás do filho. Otávio e Carlão se surpreendem ao ver Donana com galão de gasolina. Ela os provoca e diz que queria matá-los. Carlão a ignora e ampara o pai, preparando-se para fugir do morro. Patrícia consegue ligar para Carlão e se desespera ao ouvi-lo se despedindo. Ela diz que o ama. Carlão planeja fuga com os irmãos e diz que eles correm risco. Dorotéia esmurra Quina ao ouvi-la dizer que planejou ataque aos Vêneto. Michele prende Donana no quarto e ateia fogo. Michele, Carlão e os irmãos veem casa pegando fogo e fogem por alçapão.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Banco Itaú lideram em cobrança abusivas

O Banco Itaú é uma das maiores financeiras da America latina em valores ativos e clientes, presente em 21 países, o banco possui cerca de 5 mil agências no Brasil e no exterior e 26 mil caixas eletrônicos e pontos de atendimento. 

A instituição também lideram em reclamação nos órgão de defesa do consumidores. O braço direito do Banco, o Itaucard lidera desde cobrança duas vezes na mesma fatura ou até erro de desconto de juros e valores cobrado indevidamente.

Quando os clientes busca os canais do Itaú para corrigir os erros, são mal atendido e também a instituição demoram na busca de solucionar os problemas, isto quando o Banco ignora o cliente sem dar nem uma solução e continuando com a cobrança indevida.


Brasil desativou 16 mil leitos pediátricos desde 2010

Um levantamento feito pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) mostrou que nos últimos nove anos o Brasil desativou 15,9 mil leitos de internação pediátrica, aqueles destinados a crianças que precisam permanecer no hospital por mais de 24 horas. Segundo a SBP, dados obtidos no Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde (CNES), mantido pelo Ministério da Saúde, indicam que em 2010, o país dispunha de 48,8 mil leitos no Sistema Único de Saúde (SUS). Em 2019, segundo dados relativos ao mês de maio, o número baixou para cerca de 35 mil.  A pesquisa também mostra que os leitos disponíveis nos planos de saúde ou em unidades privadas caíram em 2.130 no mesmo período, com 19 estados perdendo leitos pediátricos nessa rede. São Paulo desponta com a maior queda: ao todo foram 762 unidades encerradas, seguido do Rio Grande do Sul (-251) e Maranhão (-217). Segundo os dados, os estados das regiões Nordeste e Sudeste foram os que mais sofreram com a redução de leitos de internação no SUS, com 5…

Crise na Sanepar derruba ações na Bolsa de Valor

A companhia Paranaense de saneamento Sanepar, vem passando pela sua maior crise hídrica da historia. Com as estiagem no estado do Paraná esta afetando o abastecimento de água na capital e interior. Nesta segunda-feira mais de 150 bairro entre Curitiba e região metropolitana estão sem água.
O problema da Sanepar (SAPR11), esta afetando suas movimentação na bolsa de valor derrubando suas ações em mais de  29,62% desde o começo do ano. Entre as empresas de saneamento a sua situação é a pior da B3.