Pular para o conteúdo principal

PUBLICIDADE

Neymar diz que título da Copa América "cala a boca" dos que dizem que seleção depende dele


O título do Brasil na Copa América sem a presença de Neymar serviu para que defensores de que a seleção depende da presença do atacante “calem a boca um pouco, falem menos e respeitem mais todos os jogadores”, afirmou o atleta neste sábado, em um evento em seu instituto em Praia Grande (SP).

Ausente do torneio por conta de uma lesão no tornozelo, sofrida em amistoso de preparação contra o Catar, Neymar disse em entrevista à Reuters que ficou contente e emocionado pelo título de seus companheiros, consumado após vitória sobre o Peru, por 3 x 1, em final disputada no Rio de Janeiro.

“Independente da forma, se eu estava jogando ou não, eu até fiquei muito mais feliz de eles vencerem a Copa América do que se eu estivesse em campo”, disse o jogador. “Ninguém conhece o que a gente passa ali dentro, ninguém sabe como a gente torce um pelo outro... Isso serviu para que muita gente cale a boca um pouco, fale menos e respeite mais todos os jogadores.”

O atleta, que possui contrato com o Paris Saint-Germain mas não se reapresentou ao time na data inicialmente definida pelo clube, ampliando os rumores de que possa estar de saída da equipe, disse que está recuperado da lesão e que treinará normalmente com o grupo quando retornar, o que deve ocorrer na segunda-feira.

A ausência de Neymar gerou uma resposta do PSG, que prometeu tomar “medidas apropriadas”. A equipe que assessora o atacante, no entanto, disse que a data de apresentação foi acertada previamente com os atuais campeões franceses. 

“A lesão está bem, voltando já vou treinar normalmente com o grupo, 100%”, disse ele, que chegou a participar de jogos de futebol de 5 no evento deste sábado, organizado pela empresa de energéticos Red Bull, e mostrou estar em forma para voltar aos gramados.

“Foram dias duros depois da lesão, mas tive que ter o foco e me cuidar para que eu pudesse voltar o mais rápido possível”, disse Neymar, que além da lesão no tornozelo também enfrentou, à época, uma acusação de estupro, que ele nega e que segue sendo investigada pela polícia.

Neymar tem sido alvo de rumores sobre um possível retorno ao Barcelona, clube que deixou em agosto de 2017 em direção a Paris pelo valor recorde de 222 milhões de euros. Neste sábado, o jogador optou por não falar sobre essas especulações e sobre seu futuro.

Fonte: Reuters

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Banco Itaú lideram em cobrança abusivas

O Banco Itaú é uma das maiores financeiras da America latina em valores ativos e clientes, presente em 21 países, o banco possui cerca de 5 mil agências no Brasil e no exterior e 26 mil caixas eletrônicos e pontos de atendimento. 

A instituição também lideram em reclamação nos órgão de defesa do consumidores. O braço direito do Banco, o Itaucard lidera desde cobrança duas vezes na mesma fatura ou até erro de desconto de juros e valores cobrado indevidamente.

Quando os clientes busca os canais do Itaú para corrigir os erros, são mal atendido e também a instituição demoram na busca de solucionar os problemas, isto quando o Banco ignora o cliente sem dar nem uma solução e continuando com a cobrança indevida.


Brasil desativou 16 mil leitos pediátricos desde 2010

Um levantamento feito pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) mostrou que nos últimos nove anos o Brasil desativou 15,9 mil leitos de internação pediátrica, aqueles destinados a crianças que precisam permanecer no hospital por mais de 24 horas. Segundo a SBP, dados obtidos no Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde (CNES), mantido pelo Ministério da Saúde, indicam que em 2010, o país dispunha de 48,8 mil leitos no Sistema Único de Saúde (SUS). Em 2019, segundo dados relativos ao mês de maio, o número baixou para cerca de 35 mil.  A pesquisa também mostra que os leitos disponíveis nos planos de saúde ou em unidades privadas caíram em 2.130 no mesmo período, com 19 estados perdendo leitos pediátricos nessa rede. São Paulo desponta com a maior queda: ao todo foram 762 unidades encerradas, seguido do Rio Grande do Sul (-251) e Maranhão (-217). Segundo os dados, os estados das regiões Nordeste e Sudeste foram os que mais sofreram com a redução de leitos de internação no SUS, com 5…

Brasil tem 432 mortes e 10.278 casos confirmados do novo coronavírus

O balanço dos casos de covid-19 no país neste sábado (4) aponta 432 mortes em razão da doença e 10.278 casos confirmados por exeme laboratorial. Os dados são do Ministério da Saúde e foram coletados até as 14h. A taxa de letalidade registrada pela pasta no país é de 4,2%. Os novos números indicam um aumento de 72 óbitos em relação a sexta-feira (3), quando o país registrava 359 óbitos e 9.056 casos confirmados. O ministério continua trabalhando com a previsão de entrega de 20 milhões de testes para diagnóstico de covid-19, mas afirma que essa projeção depende da disponibilidade do mercado, da logística e distribuição. Para a próxima semana, cerca de 290 mil testes serão distribuídos.  Os casos seguem concentrados no Sudeste, especialmente no estado de São Paulo, com 4.466 casos dos 10.278 totais e 260 óbitos. Veja os números. Óbitos por estado Acre: 0
Amazonas: 12
Amapá: 1
Pará: 1
Rondônia: 1
Roraima: 1
Tocantins: 0
Alagoas: 2
Bahia: 7
Ceará: 22
Maranhão: 1
Paraíba: 1
Pernambuco: 2
Piauí: 4
Rio Grande do …